segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

QUAL É O PROBLEMA?

Ainda ouço muitas pessoas discutindo sobre a liberação ou não dos acessos às redes sociais nas empresas. 
Muitos amigos sabem da minha opinião (e paixão) sobre o assunto e por isso, um deles me encaminhou um texto do Ricardo Jordão por e-mail que faço questão de compartilhar com vocês, leitores do Lounge Empreendedor.


POR QUE OS DIRETORES DA SUA EMPRESA NÃO PODEM TER ACESSO A INTERNET
"O segredo da felicidade é a liberdade. O segredo da liberdade é coragem. Você tem coragem?"

Apesar de 99% dos seus clientes estarem nas redes sociais; apesar de 100% dos seus fornecedores estarem na web, apesar de 93% de todas as compras B2B começarem na internet; apesar das redes sociais serem a ferramenta de marketing mais barata e mais eficaz do momento, apesar das redes sociais serem a melhor maneira de transformar todos os seus funcionários em vendedores; 80% das empresas brasileiras continuam proibindo que os seus funcionários acessem as redes sociais durante o horário de trabalho.
A desculpa é sempre a mesma, o livre acesso as redes sociais tornam o funcionário improdutivo.
Besteira!
Eu tenho livre acesso as redes sociais e não sou um cara improdutivo.
Eu tenho livre acesso as redes sociais e uso para fazer marketing da minha empresa.
Eu tenho livre acesso as redes sociais e uso para atrair clientes para os meus clientes.
Eu tenho livre acesso as redes sociais e uso para buscar informações que me ajudam a atingir os meus objetivos.
Eu tenho livre acesso as redes sociais e uso para fidelizar os clientes.
Eu tenho livre acesso as redes sociais e uso para prospectar clientes.
Eu tenho livre acesso as redes sociais e uso para encontrar grandes pessoas.
Eu tenho livre acesso as redes sociais e uso para liderar as pessoas que trabalham comigo.
Eu tenho livre acesso as redes sociais e uso para reduzir os custos da empresa.
Eu tenho livre acesso as redes sociais e uso quando eu acredito que é a melhor hora de usá-las.
Qual é a diferença entre os seus funcionários e eu?
Por que eu sou capaz de usar as redes sociais de maneira produtiva e os seus funcionários não?
O problema não são as redes sociais.
O problema é a falta de objetivos, metas, indices de performance, projetos, novidades, enfim, direção na sua empresa!
Eu tenho objetivos, metas, prazos e coisas para fazer todos os dias. Eu não tenho tempo para perder nas redes sociais com bobeira, besteira, piadas, mulher pelada ou whatever.
Quando eu entro nas redes sociais, eu entro com um objetivo a ser realizado. Ser apresentado para um determinado executivo, promover um determinado evento dentro de um grupo de discussão, ajudar um determinado gerente a descobrir respostas sobre como aumentar as vendas da sua empresa, descobrir insights sobre geração de demanda para ajudar um cliente a desovar determinado produto que está parado há meses no estoque etc etc etc.
As redes sociais, por incrível que pareça, são uma ferramenta incrivelmente objetivas. Se você tiver um pergunta, você encontra a resposta; se você souber o que você esta procurando, você encontra.
Eu acredito que VOCÊ deveria tirar o SEU acesso as redes sociais, ou talvez cortar o acesso dos diretores da sua empresa. Talvez o livre acesso às redes sociais por parte dessa turma esteja impedindo a direção da empresa de usar o tempo que vocês tem para criar os planos e objetivos necessários para transformar a produtividade dos seus funcionários.
É isso ai, tira as redes sociais dos diretores! Eles estão vagabundando na web quando deveriam ter criado planos objetivos para a empresa.
Enquanto você fica ai pensando se libera a “orkut” para os funcionários, a fila anda.
Nesse momento 1.045 profissionais brasileiros da indústria de tecnologia estão conectados e trocando idéias e insights na rede social Zomo, criado pela IT Midia; 10.753 empresários e funcionários de pequenas e medias empresas estão participando de mais de 50 grupos de discussão diferentes na rede social criada pela Revista Exame Pequenas Empresas para os seus assinantes; 3.578 profissionais de recursos humanos estão bombando de trocar idéias no grupo “Gestão de Recursos Humanos” na Linkedin brasileira.
Enquanto você proibi os seus funcionários de participar da conversa, a turma está toda animada no baile conversando entre si, construindo credibilidade, reputação, e novos relacionamentos.
2011 é o primeiro ano da segunda década do Século 21. Você vai continuar insistindo em querer viver em 1982?

NADA MENOS QUE ISSO INTERESSA!!

QUEBRA TUDO! Foi para isso que eu vim! E você?

2 comentários:

  1. É impressionante o quanto muitos gestores ainda resistem as tendências de mercado e com isto perdem grandes oportunidades. Jorge

    ResponderExcluir
  2. "As redes sociais, por incrível que pareça, são uma ferramenta incrivelmente objetivas. Se você tiver um pergunta, você encontra a resposta; se você souber o que você esta procurando, você encontra."

    Sensacional o texto Ana. É bem isso mesmo que acontece dentro de algumas empresas ainda!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário.
Ficarei feliz em conhecer sua opinião...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Preferidos do Lounge Empreendedor