sábado, 26 de maio de 2012

ANDAR COM FÉ



Parece difícil falar em fé sem realizarmos uma associação direta às questões de religião. É claro que, às vésperas da celebração do Domingo de Pentecostes quando o Divino Espírito Santo comunica seus dons à Igreja nascente, essa palavra torna-se ainda mais forte para os cristãos.
Entretanto, a palavra fé que se origina do latim (fides - fidelidade) pode ter uma abrangência muito maior. Em uma das várias reuniões que conduzi com empreendedores em estágio de formalização de suas empresas, ouvi de uma senhora que “empreender no Brasil é uma questão de fé”. E como é...
Abrir o próprio negócio é o sonho de muitos, mas colocá-lo em prática não é processo simples. Da vontade de empreender ao sonho concretizado, estende-se um caminho de dúvidas. Em que ramo investir, onde instalar o negócio (em ponto alugado ou comprado?), quantos sócios buscar e quanto investir são algumas questões. Claro que não é possível começar um negócio com respostas para todas as dúvidas, afinal, apostar no sonho é característica empreendedora.

quinta-feira, 24 de maio de 2012

LÍDERES SEM DESCULPAS




Na última semana, assisti uma palestra do consultor e médico Eugenio Mussak que me fez refletir muito, muito, muito... Eu não sei por que, mas de uns tempos pra cá eu tenho encontrado inúmeras pessoas que querem ser líderes, se dizem líderes ou foram nomeadas líderes de algum grupo. O tema parece estar cada vez mais na mente e desejo das pessoas. E toda vez que encontro um desses “líderes potenciais", eu sempre tenho que compará-los a algumas pessoas que convivi ou cujas histórias estão contadas em livros de histórias ou biografias de negócios. (Aliás, adoro biografias, mas isso é só um parêntese).
Alguns pessoas que chegam às posições de liderança fazem apenas aquilo que deve ser feito, conquistam resultados e são seguidas por alguns milhares. Outras vão além: deixam sua marca, apaixonam-se pelas suas idéias e trazem consigo outros milhões de outras pessoas.
Ser reconhecido líder ou substituir alguém que exerceu esse papel não é tarefa fácil. É quase uma eleição... Não adianta ser nomeado, sentar na cadeira e acreditar que as pessoas ficarão ao seu lado porque agora você é o "dono da bola".

sábado, 19 de maio de 2012

ACESSO A INFORMAÇÃO

“Não há nada de errado com aqueles que não gostam
 de política, simplesmente serão governados por aqueles que gostam.”
-- Platão --


O gosto pela política não é sinônimo de desejo por poder, mas sim de participação na tomada das decisões que influenciam diretamente nossas vidas. Gostar de política é atuar e aproveitar a possibilidade de transformar positivamente - e de maneira correta-, a realidade. De que adianta reclamar, se cada um de nós não se apropria dos espaços sociais que nos são garantidos pela própria constituição?
Na última semana, entrou em vigor a Lei de Acesso à Informação (12.527), sancionada em novembro do ano passado, mas que ainda enfrentava uma boa resistência. Ela obriga o poder público em todas suas esferas - municipal, estadual e federal - a fornecer informações solicitadas por cidadãos, empresas e entidades da sociedade civil organizada. Não tenho dúvidas de que este é um marco da organização do Estado brasileiro e um avanço democrático, além contribuir para o controle social de governos e ajudar no planejamento e decisões sobre as oportunidades de negócios e fomento ao empreendedorismo sustentável.

quinta-feira, 17 de maio de 2012

INTUIÇÃO, APRENDA A USAR A SUA

"Não deixe o barulho da opinião dos outros abafar sua voz interior.
E mais importante, tenha a coragem de seguir seu coração e sua intuição.
Eles de alguma forma já sabem o que você realmente quer se tornar.
Tudo o mais é secundário."
-- Steve Jobs --


Conhecida como sexto sentido, a intuição não tem nada de sobrenatural (e muito menos é privilégio apenas das mulheres). Intuição é uma capacidade do cérebro que quando bem utilizada pode gerar ótimos resultados aos negócios. Envolve a comunicação dos dois hemisférios do cérebro: o esquerdo, que é racional e armazena dados concretos - números, palavras e regras; e o direito, responsável pela linguagem não-verbal - símbolos, imagens e sensações. Relacionar o que vem de um e do outro é intuir.
Se explorarmos os dicionários, encontraremos definições do tipo: a intuição é o ato de ver, perceber, discernir, pressentir. Fica-nos, então, aquela impressão de que a intuição é o ato de ver algum objeto ou fenômeno de maneira diferente daquela normalmente vista pela maioria das pessoas. Na verdade, por mais que não possamos vê-la ou explicá-la, todos conhecemos esse sentimento que vem de dentro avisando sobre algo que não vai bem, ou algo que logo será sucesso, motivando ou bloqueando nossas ações.
Quantas vezes tomamos decisões ou fazemos escolhas que não conseguimos explicar? Tenho certeza que você já passou por situações assim, quer ver? Por que resolveu pegar aquele caminho para o escritório ao invés do trajeto que sempre faz? Por que escolheu um candidato ao invés de outro, se ambos tinham a mesma formação? Pois isto é a intuição em ação.

sábado, 5 de maio de 2012

RAZÃO DE EXISTIR

"Um negócio que só cria dinheiro é um negócio pobre"
-- Henry Ford --


Ganhar dinheiro não deveria ser o principal motivo para alguém iniciar uma empresa. Calma! Não estou defendendo que empreendedores não devam pensar no lucro de seus negócios, mas sim que identifiquem um propósito que diga qual é a diferença que sua empresa fará para o mundo.
Ter um propósito (ou uma clara proposta de valor, como alguns preferem) é a razão de ser de seu negócio e o que lhe dará a direção para tudo o que fizer, propor e oferecer ao mercado. Vai além do “simples” objetivo de fazer dinheiro. E garanto: no final das contas, pode resultar em ganhos que ultrapassam tudo o que um empreendedor possa capitalizar se quiser oferecer apenas mais do mesmo daquilo que o mercado que já conhece.
Um modelo de negócios que se proponha em gerar valor para o mundo aumenta o seu próprio valor no mercado. Pense em quantas empresas você conhece que fortaleceram suas marcas a partir da realização de objetivos ambiciosos que atendiam não apenas o desejo de enriquecer seus líderes, mas em oferecer valor ao cliente.

quinta-feira, 3 de maio de 2012

CROSS TRAINING - UM REFORÇO AOS SEUS PONTOS FORTES

Se o dinheiro for a sua esperança de independência, você jamais a terá.
A única segurança verdadeira consiste numa reserva
de sabedoria, de experiência e de competência.
Henry Ford


Volta e meia ouvimos executivos se queixarem de que não há um número suficiente de bons líderes no mercado. Ainda que muitos profissionais tenham desempenho bom ou superior em sua área de atuação, quando promovidos à função de liderança deixam de apresentar os mesmos resultados. Afinal, para ser um bom líder não basta ter as metas atingidas, ser prezado por todos ou receber avaliações reiteradamente positivas. É preciso ir além e cultivar habilidades que complementem seus próprios pontos fortes.
Fazer mais daquilo que você já faz bem rende avanços incrementais importantes para desenvolver boas possibilidades de avanço na carreira. Trabalhar as habilidades complementares, algo que os atletas conhecem como “cross-training” ou treinamento multilateral, pode tornar um líder bem mais eficaz.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Preferidos do Lounge Empreendedor