domingo, 27 de março de 2011

BERÇO ESPLÊNDIDO

Descrever um estado de alegria não é uma tarefa nada fácil. Ser reconhecida como Mulher de Expressão na última quinta-feira não foi apenas uma festa. O prêmio traz uma imensa responsabilidade por fazer valer essa escolha hoje e no futuro.
Aceitá-lo é legitimar o trabalho que minha equipe desempenha junto aos empreendedores do Alto Tietê e dar à minha família o orgulho em estar ao meu lado em uma noite tão especial depois de tantas outras em que me ausento em prol da paixão pelo trabalho que realizo.
Agradeço a todos aqueles que indicaram meu nome como destaque regional na categoria "Empreendedorismo", ao grupo MogiNews pela valorização das minhas ações e aos leitores do Caderno Opinião e do Lounge Empreendedor que me acompanham todos os sábados e hoje, podem compartilhar comigo essa emoção.
Saibam que "deitar em berço esplêndido" não faz minha cabeça! Não imagino minha vida sem a possibilidade de contribuir com as pessoas. Mais do que ter uma profissão ou um emprego; faço parte de uma causa.
Defender o empreendedorismo, a inovação e o desenvolvimento do capital humano, social e empresarial é defender o futuro dos meus filhos, netos e do meu país.
Talvez por isso, há muito tempo deixei de separar minha vida entre profissional e pessoal. Busco ser uma mulher integral em todos os momentos e lido com minhas atividades sem me culpar em relação ao tempo que dedico a elas.
Tenho imenso prazer em planejar e executar minhas tarefas, buscar soluções a novos desafios, construir novas propostas, ouvir minha equipe desabafar e auxiliar desconhecidos a se tornarem conhecedores de si mesmo.
Por outro lado, também adoro sentar com meus filhos no chão, brincar ou fazer colagens de papel picado até se transformarem em quadros que faço questão de pendurar pelas paredes de casa. Preciso do apoio da minha família, de momentos de lazer, de reflexão, de cuidados com a minha saúde e de bate papo entre amigos.
Não me eximo da necessidade de ser a dona DA casa, mas não tenho a menor vergonha em dizer que não tenho nenhuma aptidão para ser a dona DE casa.
Meu maior orgulho como mãe é olhar para os meninos e vê-los felizes, educados e tão carinhos; como mulher é ter uma relação sólida e cheia de amor com um homem maravilhoso; e como profissional é ver meu trabalho sendo reconhecido por minha equipe, meus clientes, parceiros e por vocês.
Acreditem: o sucesso da vida está no diálogo e no equilíbrio. Você não precisa fazer concessões doloridas demais ou desrespeitar seus próprios limites para chegar onde ousar sonhar.

ANA MARIA MAGNI COELHO
Publicado no Caderno Opinião - MogiNews
26 de março de 2011

2 comentários:

  1. Parabéns! Reconhecimento mais do que merecido. :)

    ResponderExcluir
  2. Inagaki, seu LINDO!
    Super obrigada pelo comentário e principalmente, pelo seu respeito e carinho. Conte sempre comigo.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário.
Ficarei feliz em conhecer sua opinião...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Preferidos do Lounge Empreendedor