sexta-feira, 14 de agosto de 2009

O SUCESSO QUE VEM DO SOLO


Na última terça-feira, a equipe do SEBRAE-SP e do Sindicato Rural de Mogi das Cruzes marcou uma importante fase do agronegócio no Alto Tietê. Ser pioneiro e inovador nos trouxe uma enorme responsabilidade, mas também a imensa satisfação em apresentar resultados tão significativos à cadeia de alimentos metropolitana.
Hoje temos dados consistentes sobre as nossas cadeias produtivas, detalhes precisos de várias propriedades rurais e meios de propor projetos que possam modernizar os sistemas de distribuição e comercialização dos produtos, preparando as cadeias produtivas para disponibilizar produtos diferenciados ao mercado varejista de forma focada, suprindo, de fato, as necessidades do mercado e também as necessidades dos consumidores. Nosso esforço tem a intenção de reduzir o caminho percorrido entre o produtor e o consumidor final, um caminho normalmente longo e cheio de percalços que pode acarretar em perdas e prejuízo.
O mercado interno vem evoluindo e a melhoria da qualidade e as exigências com relação à freqüência, mix, volume, redução de riscos e rastreabilidade serão a tônica do setor futuro. Para isso, precisamos cuidar dos processos de pós colheita, focar na melhoria tecnológica e nas facilidades de logística. Sem esquecer, é claro, das implicações ambientais e de clima.
Ninguém pretende ensinar ao produtor rural aquilo que ele sempre fez tão bem, mas sim aproveitar as informações colhidas nessa etapa para a geração de um novo conhecimento que auxilie na profissionalização de toda a cadeia de alimentos e do empresário rural.
O caminho está desenhado, basta aprimorar o que já é forte, reduzir o impacto de pontos fracos identificados e adaptar o que for preciso. Nosso empresário rural precisa estar pronto para acompanhar todas as etapas do processo desde o plantio até a chegada dos produtos ao consumidor. A rastreabilidade requer a anotação sistematizada de todos os procedimentos, da produção à distribuição localizando a origem, a qualidade e limites máximos de defensivos ou agrotóxicos, mas é importante que fique claro que o processo de pós-colheita envolve algo que fica além da porteira; além das operações de manuseio, embalamento e transporte. Envolve relacionamento! O consumidor deseja conhecer e se relacionar com o seu fornecedor.
A comunicação, a transparência e as parcerias têm sido instrumentos de fortalecimento, conhecimento e profissionalização. Somos, aqui, um exemplo de um programa de união de classes que já começou a mostrar o quanto a organização de um setor pode reverter em melhorias e ganhos efetivos.
Tenho certeza que ações como essa demonstram a intenção de um Brasil mais maduro, economicamente viável, socialmente justo e ambientalmente correto.

ANA MARIA MAGNI COELHO
Publicado em 15 de agosto de 2009

4 comentários:

  1. Prezada Ana Maria.
    Por volta dos anos 60, quando eu tinha barcos de pesca (pescava basicamente camarão rosa paineus dourarum). Fui entrevistado pela revista Veja e enfatisei o problema do atravessador.
    Na verdade o grande problema da formação do preço de produtos agro pecuarios ainda esta limitado por este fato. A rede de distribuição.
    Portanto, creio ser muito oportuno o trabalho que esta sendo feito.
    Aproveito a oportunidade para informar que já estou com tanques rede iniciando a produção de tilapias .

    Atenciosamente

    Ricardo Mota

    ResponderExcluir
  2. Sr. Ricardo,
    Fico muito feliz em saber que vem acompanhando o blog. Por mais evoluções que consigamos levar ao agronegócio, as questões de logística, definição de preço e mercado são gargalos sempre importantes a serem desenvolvidos. Mas vamos caminhando a passos largos!
    E parabéns pelos tanques-rede! Eles estão na represa???
    Um abraço
    Ana Maria

    ResponderExcluir
  3. Mãe gostei muito mesmo não sendo bem as coisas que eu entendo mais está muito bom
    bjão

    ResponderExcluir
  4. Ana, fiquei muito admirado em acessar o seu blog e verificar o quanto relevante são as informações que você vem apresentando.
    Sou meio suspeito a falar pois tenho você como minha referência de LÍDER, de profissional e de pessoa.
    Parabéns pela competência e inteligência na escolha e produção dos seus textos.
    um Abraço,
    Cláudio Augusto C. S. Ramos

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário.
Ficarei feliz em conhecer sua opinião...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Preferidos do Lounge Empreendedor